Air traz elegância nerd em show em São Paulo

Por Alex Kidd

Sao Paulo- SP- Brasil- 15/11/2016- Air @Popload Gig #45, na Audio Club. Foto: Oswaldo Corneti
Air se apresenta no Popload Gig.  Foto: Oswaldo Corneti/Divulgação
Com meia hora de atraso, o Air aterrissou no Audio Club na última terça (15) em SP. Vestidos de branco, os franceses Nicolas Godin e Jean Benoît subiram ao palco feito dois astronautas e abriram com “Venus” do disco Talkie Wakie (2004).

Para criar as texturas espaciais, Jean se revezava entre os vários sintetizadores analógicos e Godin alternava guitarras com violões elétricos. Nas canções agitadas era o baterista Louis Delorme da banda de apoio quem roubava a cena. Em  “Alpha Beta Gaga”, ele deu ritmo para a melodia assobiada por Godin e pelas 2.200 pessoas que quase lotaram o Audio Club.

“Cherry Blossom Girl” abriu a segunda metade da apresentação, focada em canções mais lentas. Hora de apreciar o elegante jogo de luzes do palco que alguns momentos lembrava os excessos coloridos de filmes sci-fi B dos anos 1970.

Sao Paulo- SP- Brasil- 15/11/2016- Air @Popload Gig #45, na Audio Club. Foto: Oswaldo Corneti
Nicolas Godin. Foto: Oswaldo Corneti/Divulgação
Foi quando Godin cantou lindamente “Remember” utilizando um vocoder (aquele filtro que imita a voz de um robô) e deixou a noite ainda mais nerd.

O repertório privilegiou o disco de estreia “Moon Safari” (o hit “All I Need” ficou de fora). “Kelly Watch the Stars” fez a pista ensaiar alguns pulos tímidos e “Sexy Boy” arrancou alguns gritinhos. Com “La Femme D’Argent” o Air arrebatou o público ao equilibrar sintetizadores, guitarra e bateria de forma hipnotizante, mas infelizmente a espaçonave havia chegado ao seu destino final.

AVALIAÇÃO – ★★★★