120 bpm

música eletrônica

 -

Escrito por Alex Kidd, blog acompanha o universo de música eletrônica. Do pop ao underground, o objetivo é selecionar o que acontece de mais empolgante no gênero.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Cinco perguntas para Rico Dalasam

Por Alex Kidd

Rico-Henrique-Grandi.23CMYK-alta

O rapper paulistano Rico Dalasam está bombando. Ele acaba de lançar seu (excelente) disco de estreia: “Orgunga”. O 120 BPM fez cinco perguntas para Dalasam (sigla para “Disponho Armas Libertárias a Sonhos Antes Mutilados”).

UM verso memorável numa canção.

“Eu só entro no jogo porque estou mesmo depois. Depois de esgotar o tempo regulamentar”.

DOIS shows inesquecíveis.

Lauryn Hill
Djavan

TRÊS pessoas com quem eu deveria colaborar.

Russo Passapusso
Alcione
Marina Lima

QUATRO coisas que eu ainda não fiz.

Uma tatuagem
Viagem pra Índia
Show acústico
Dirigir (carro)

CINCO discos que todo mundo deveria ter.

Lauryn-Hill-The-Miseducation-Of
“The Miseducation of Lauryn Hill” (Lauryn Hill, 1998)

folder

“Azul” (canção gravada no disco “Djavan – Ao Vivo de 1999”)

Nada-Como-Um-Dia-Após-O-Outro-Dia-Ri-Depois-CD2-cover

“Nada Como Um Dia Após Outro Dia” (Racionais Mc´s, 2002)

big_born_again_front

“Born Again” (Notorius Big. 1999)

1280x1280

“God’s Son” (Nazir Jones, 2002)

Blogs da Folha